PT EN ES

ÓCULOS DE SOL PARA CORRIDA

Para um desportista os óculos que utiliza na prática do desporto devem ser tão importantes quanto os óculos que utiliza no seu dia-a-dia. É importante fazer a escolha do material que utiliza na actividade desportiva de forma informada e pensada, pois os equipamentos utilizados podem completar, e até melhorar, o desempenho desportivo do utilizador.

Se já praticou algum desporto de certeza que já notou a diferença na forma como utiliza a visão enquanto pratica essa actividade e quando pratica outras actividades que não desportivas. Os óculos de sol são um importante complemento para diferentes modalidades, corrida, golfe, ténis, ciclismo, desportos de neve, e muitos mais. Mas vamos pensar na corrida.

No que toca à escolha de óculos de sol para correr é preciso levar em conta vários factores: Peso, formato, aderência ao rosto e cores das lentes.


O peso

Independentemente do “nível” atlético em que está, se está a dar os primeiros passos na corrida ou se já vai para uma maratona a pensar em bater o seu record pessoal, correr exige esforço. O esforço aumenta se carregar um peso extra no rosto. Se utilizar óculos pesados para a sua corrida, alem de ser desconfortável, força a região cervical. O ideal é dar preferencia a modelos leves, como os nossos Tokyo.


As lentes

Outro essencial a ter em conta para o uso da prática desportiva, são as lentes. A protecção contra os raios UV deve ser prioridade na escolha das lentes, mas não só. No caso do atleta praticar a sua actividade em ambientes com muitas superficies reflectoras, talvez seja bom considerar lentes com filtros polarizados, como os Tokyo. Mas se por outro lado o atleta tem por habito correr ao fim da tarde, durante o por do sol, será mais aconselhável a utilização de lentes azuis, mais indicadas para condições de luz moderada, como as lentes dos nossos Uluwato. Os atletas devem pensar nos ambientes mais comuns em que correm e perceber que cor se adapta melhor ao ambiente em causa, permitindo uma visão mais nítida. 

Como já percebemos as diferentes tonalidades de lentes ajudam na redução da intensidade da luz. Devido às propriedades cromáticas de cada lente a composição espectral é alterada, mas a percepção de cores é diferente de pessoa para pessoa. Por esta razão, a escolha da cor ideal para os óculos de sol é muito pessoal. Os utilizadores devem, acima de tudo, escolher as cores que os deixam mais confortáveis. 


A fixação ao rosto

A corrida, é uma sucessão de passos a ritmo rápido. Pequenos saltos, se assim quisermos. Se aumentarmos o ritmo, aumentamos o número de “saltos” e o impacto com o chão ganha mais força. Por isso, convém determinar se os óculos se fixam correctamente no rosto e não perdem aderência à medida que começa a aparecer o suor no rosto. O modelo Tokyo apresenta um revestimento em borracha que impede o deslizamento dos óculos. Deve procurar sempre este tipo de material para assegurar fixação no seu rosto.


Os materiais. Qual é o melhor?

Todo o desporto acarreta riscos. Esses riscos podem provocar lesões oculares, e os óculos de sol podem ser mais uma protecção que tem contra esses riscos. Devemos portanto, pensar nos materiais certos na hora de escolher os seus óculos de sol para correr. A máxima generalizada aqui é, quanto mais leves forem os óculos, maior será o conforto, o que consequentemente nos diz que, materiais como o policarbonato e a poliamida devem ser a escolha número 1. Materiais como o metal ou o vidro podem causar ferimentos, além de serem mais pesados que o policarbonato. Os nossos modelos Mavericks, Uluwato e Tokyo são feitos de policarbonato, pelo que são resistentes ao choque e perfeitos para quem procura durabilidade.

\  CONTEÚDO RELACIONADO
Receber notificação

Irá receber uma notificação quando este produto estiver disponível

Pedido de notificação já está registado

OK